Steam Machines dão as caras!


Recrutas, aproveitando a fase da nova geração de consoles, a Valve anunciou no ano passado as Steam Machines, um tipo de PC voltado exclusivamente para jogos que rodará o Steam OS (sistema operacional da Valve). A proposta é levar a jogatina do PC para a sala de estar dos consumidores, algo mais simples de acontecer com os consoles.

As Steam Machines serão produzidas pelas chamadas ‘third parties’, ou seja, não serão desenvolvidas pela própria Valve, mas por empresas como Gigabyte, Zotac, Alienware, entre outras. Recentemente algumas foram anunciadas com preços que partem dos US$ 500.00 e passam facilmente da casa dos US$ 1 mil.

Steam 06

Alguns pontos que valem analisar sobre as Steam Machines: vamos começar com o sistema operacional, o Steam OS. Gabe Newell é declaradamente contra o Windows (principalmente o 8) e diz que o Linux é a plataforma ideal para jogos. Com base nisso o Steam OS é um sistema desenvolvido em Linux, o que devemos prestar atenção, já que faz com que as Steam Machines rodem somente os jogos da Steam que estão liberados para Linux, o que atualmente não passam de 500 e infelizmente não conta com praticamente nenhum lançamento atual.

Outro ponto a ser tratado é a questão das diversas opções de hardware disponíveis, que podem incluir processadores desde um i3 até um i7, placas de vídeo que vão desde as mais simples, como uma Intel Iris Pro 5200 ou uma GT 780, até uma configuração com SLI da GTX Titan, Ou seja, assim como em um PC “comum”, o hardware determinará quais jogos e com qual qualidade você conseguirá rodá-los.

Veja também  Novo Trailer de Assassin’s Creed!

Steam 05

Pode parecer que estes pontos não soem muito à favor das Steam Machines hoje, afinal com esses valores divulgados é possível montar um PC mais potente ou, caso a pessoa prefira uma maior comodidade, comprar um console de nova geração, mas também há um ponto positivo, já que é mais uma evolução na indústria que hoje fatura mais do que a indústria do cinema. Assim como no início da Steam muitos desconfiaram se iria dar certo e hoje vemos a potência que a plataforma se tornou, é melhor não subestimar o que Gabe Newell enxerga no futuro das Steam Machines. Pode dar certo ou não, o que sabemos é que hoje as Steam Machines estão chamando tanto a atenção quanto o que Sony, Microsoft e Nintendo têm divulgado sobre seus novos consoles, então vale ficar de olho.

Recrutas, deixem nos comentários o que acharam das Steam Machines.

 

Comente algo que preste recruta!

comentários "úteis"